Blog

Christian Aranha tem um currículo extenso: é empreendedor e pesquisador na área de Inteligência Artificial, Big Data e Blockchain, além de idealizador de tecnologia da Cortex, hoje uma multinacional. Possui doutorado em Inteligência Computacional Aplicada pela PUC-Rio, mestrado em Estatística e Otimização, Engenheiro Elétrico e Bacharel em Psicologia Cognitiva. Hoje, lidera, como fundador, a Entropia, maior ecossistema de startups do Rio.

Ele será o líder no cluster de Financeiro, Seguros e Blocktech cujos desafios são: ganhar a confiança do consumidor, facilidade no uso, oferecer segurança e integração.

Continue reading Christian Aranha: “Queremos desenvolvedores de novas tecnologias”

O cluster de Saúde e Esporte do hackathon do Hacking.Rio será liderado por Alex Lucena, CEO da 4H Technology in Health, empresa spin-off do LES da Universidade PUC-Rio.

Continue reading Conheça o cluster Saúde e Esporte, liderado por Alex Lucena

Atualizando com novidades!!!

Continue reading Afinal, o que é um cluster?

O entusiasmo de Paulo Cezar, coordenador da base tecnológica do Sebrae, contagia. Para ele, que trabalha com o ecossistema de tecnologia e inovação digital no Rio de Janeiro, a ideia do Hacking.Rio é mudar a maneira com que se busca a inovação tecnológica na cidade, propondo interações entre as inúmeras iniciativas do ramo para que, juntas, possam ser colaborativas, ao invés de concorrentes.

Continue reading Paulo Cezar: “O Hacking.Rio será o pontapé inicial para a retomada da cidade como um polo criativo e tecnológico”

Hackers e inovadores terão 42 horas para gerar soluções para o Rio de Janeiro

O maior evento de inovação do Rio de Janeiro está chegando. Serão três dias de maratona com a participação de hackers, desenvolvedores, programadores, especialistas em tecnologia, CTO de startups, empreendedores e universitários. Todos vão se juntar por um objetivo em comum: gerar soluções de alto impacto para os desafios reais do mercado do Rio. O Hacking.Rio será realizado entre os dias 27, 28 e 29 de julho em um dos mais recentes símbolos de inovação da cidade, o edifício Aqwa Corporate, localizado no Porto Maravilha.

Continua lendo Juntospelo.Rio realiza Hacking.Rio em julho, maior evento de inovação e maratona hacker da América Latina

“A gente quer trazer de volta o prazer e a diversão para os programadores”, diz.

Maratona de 42 horas reunirá hackers e programadores de alto nível

Criatividade e diversão com uma boa dose de competição é a mistura que promete movimentar o maior Hackathon já realizado no Brasil, com 12 clusters, no Hacking.Rio, entre os dias 27, 28 e 29 de julho, no Acqua Corporate, Porto Maravilha, no Rio de Janeiro. O ativador Bernard de Luna é responsável por liderar este evento, que pretende resgatar a essência do Hackathon.

Continua lendo Bernard de Luna fala sobre o Hackathon que terá 12 clusters no Hacking.Rio

Gabriel será um dos mentores do Hackathon durante o Hacking.Rio

O programador Gabriel Lima já pode ser considerado um expert em maratonas hackers. Após ter participado de quatro hackatons, tendo seu time vencedor de uma das competições da IBM, foi escalado para ser um dos mentores do maior Hackathon do Brasil, que reunirá 12 clusters, no Hacking.Rio. O evento acontece entre os dias 27, 28 e 29 de julho, no edifício Aqwa Corporate, localizado no Porto Maravilha, no Rio de Janeiro. As inscrições das equipes de três a cinco participantes podem ser realizadas no Sympla.

Nesta entrevista, Gabriel explica como funciona o papel de um hacker, fala dos desafios para quem deseja participar de um hackathon e dá dicas para formação de um time vencedor. “Para participar do evento, eu acho que só tem que ter mesmo a energia e vontade, são os únicos requisitos”, diz.

Continua lendo Entrevista: O programador Gabriel Lima conta como é participar de um Hackathon e dá dicas para as equipes

natwitte

É com discurso ousado e cheio de esperanças que Natalie Witte, uma das fundadoras do Juntos Pelo Rio, explica o início do movimento e como foi criado o Hacking Rio.

A ousadia é a marca do Hacking Rio. Em sua primeira edição, os seus idealizadores querem torná-lo o maior hackathon do Brasil. E não é só isso! Eles querem, também, colocar o Rio de Janeiro no centro das discussões sobre tecnologia. Natalie Witte é uma das fundadoras do Juntos Pelo Rio, movimento criou o Hacking Rio, e conta sobre a origem de tudo: do movimento, do evento e do hackathon.

Continue reading “QUEREMOS QUE O RIO DE JANEIRO SEJA UM PÓLO DE INOVAÇÃO ATÉ 2020”